quarta-feira, 20 de março de 2013

Vote na web



Não sei quantos aqui já obtém o poder de votar em urnas, e quantos estão capacitados para engajar na política, mas resolvi trazer para cá a divulgação desse site, porque sua proposta é muito interessante.

Já está mais do que claro que a internet tem servido para propósitos políticos, muito mais do que os próprios governantes gostariam. Muita coisa tem sido feita desde que sites de rede social apareceram, e as pessoas começaram a mostrar sua voz (mesmo que passivamente). As notícias têm se espalhado com muito mais eficiência (apesar de algumas distorções criadas para chamar mais atenção — mas que noticiário nunca fez isso?) desde então. E de alguns anos para cá, talvez no máximo 5 anos, tem surgido sites de petições e protestos, desenvolvidos por pessoas descontentes com o caminho que os políticos estão dirigindo nosso mundo. 

Apesar das desconfianças especulativas a respeito da autenticidade desses sites, já se foi comprovado sua eficiência. Para quem não sabe, houve uma grande repercussão no senado a respeito da saída aquele senhor Renan Calheiros, e agora com esse pastor Marco Feliciano, todos graças a sites como o Avaaz. E agora surgiu o Vote na Web, que é uma iniciativa mais voltada para o nosso Brasil, em específico. Sua proposta é divulgar o que está sendo debatido em congressos, para que fique de conhecimento público, e que também possamos votar sobre o que eles decidem sem o nosso consentimento. Afinal, quem vai arcar ($$$) com as consequências somos nós; quem paga eles para estarem ali somos nós, e tudo o que é debatido é de nosso interesse SIM! Particularmente, achei ótimo. Agora não haverá mais desculpas para os que sempre dizem não ter tempo para fazer protestos nas ruas, ou sei lá o quê! Está aí uma ótima maneira de engajarmos na política sem sair de casa (por mais patético que isso possa soar, mas creio que seja melhor do que nada!). 

Esses dias eu estava lendo os comentários sobre o poder político das rede sociais, e um antropólogo (se não me engano) comentou que com o advento dessas redes, crê que a política nunca mais será a mesma! Afinal, o povo está cada vez mais se tornando consciente do que está acontecendo, graças a ampla divulgação que se tem sido feita sobre suas "realizações". 

Enfim, como o próprio Vote na Web diz, ele trás informações claras, sem enrolações, sobre o que está sendo discutido, para votarmos a favor ou contra — com espaço para debates e discussões; e periodicamente, eles enviam relatórios ao Congresso. O site é muito simples de usar, o cadastro é gratuito e rápido de fazer (basta informar o nome, e-mail, e cidade).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...