sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Sinopses





Eu não estaria sendo eu mesma, se não começasse com uma foto deste lindo, né? XD

Bom, na verdade, eu não sou a pessoa mais apropriada para falar sobre sinopses, já que as minhas são um cocô. Acho que é a parte mais complicada de se escrever... T_T Mas eu tento! Além disso, acho que só por eu não conseguir fazer algo, não significa que eu não tenha uma boa opinião a dar sobre determinados assuntos — muita gente diz "se não sabe fazer melhor, cale-se!" e acho que não é bem por aí. Eu posso não saber desenhar bem, mas consigo dizer quando um desenho está mal feito sim. Posso não ser boa cozinheira (e não sou! T_T), mas consigo identificar quando a comida está salgada demais ou queimada. O que eu não posso, é menosprezar a capacidade dos outros! Aliás, acho que ninguém tem o direito de fazer isso, concordam? ;)

Bom, já me deram dicas boas sobre escrever sinopses, e acho que posso passar a informação adiante sem problema algum — só por não conseguir escrever bem uma, também não significa que eu não tenha dicas a dar, certo? De repente, algum de vocês consegue se sair melhor nesse departamento do que eu, né?! :D

Bom, antes das dicas, precisamos esclarecer o que é uma sinopse. Já vi muita gente que simplesmente copiar trechos de suas histórias para pôr como sinopse, e isso é errado. Sinopse não é uma parte de uma história; sinopse é um resumo da história. E o que é um resumo? Resumo é um resumo, oras! iuhauihaiuahuia ah, é condensar, digamos assim, toda a história em poucas palavras. É um texto que apresenta as idéias ou fatos essenciais desenvolvidos, expondo-os de um modo abreviado, entendem?

Mas como eu vou escrever um resumo, se mal sei como a minha história vai acabar, tia Amanur?
Nesse caso, é preciso tomar mais cuidado. Primeiramente, vocês precisam, sim, escrever as idéias de vocês num papel. Quando forem escrever uma história, para que ela não se perca no meio do caminho, escrevam um início, meio e fim.

Por exemplo, a história de Pocahontas. (Quem nunca assistiu que me desculpe pelo spoiler.)

Início:
A história se passa no século 17.
Pocahontas vive numa tribo com seu pai, em um lugar paradisíaco.
Sente-se solitária, apesar de viver rodeada pelos amigos.

Enquanto isso, John parte de sua cidade natal, deixando a família para trás, e se aventurar numa expedição atrás de tesouros, com uma grande tripulação.


Meio:
Pocahontas, em seus momentos de solidão, explora as terras por onde vive, pois se sente mais à vontade com a natureza. E num dia, encontra John que procurava por outro. Os dois se apaixonam, e começam a viver um romance às escondidas.

Final:
O povo de Pocahontas captura John e tenta matá-lo, mas Pocahontas impede o assassinato.


Façam isso, sempre que forem escrever uma história. Elaborem o inicio meio e fim, mesmo que durante o processo de desenvolvimento, o final acabe se tornando diferente do planejado no inicio. De qualquer forma, isso ajuda a ter uma idéia de como a história vai ser. A partir disso, então, você vão elaborando os detalhes da história; vão desenrolando até que consigam unir todas essas 3 partes. (acho que eu deveria ter posto isso no meu post anterior também!)

Enfim, tendo isso em mãos, vocês saberão sobre o que a história de vocês se trata, pelo menos. No caso da Pocahontas, com essas informações, sabemos que se trata de uma história de amor, guerra, com busca em bens materiais (o John em sua busca por tesouros), e espirituais (a Pocahontas, e sua intimidade com a natureza).


Bom, vamos às regras.

Regra número 1: JAMAIS dê a moral da história numa sinopse. No caso da Pocahontas, a moral da história é que todos percebem o quão cegos são. O povo da Pocahontas achava quem eles eram os mais justos, por conta de suas crenças. Eles respeitavam a natureza, e julgavam todos os "civilizados" injustamente por suas capacidades que eram incompreendidas. E o povo do John, que vinha de uma cidade grande, civilizada, se dá conta de que poder não é o que importa.

Então, tomem cuidado com o que vão escrever na sinopse, afinal, ninguém gosta de ler uma história do qual já sabem tudo sobre ela. Acaba perdendo a graça. — salvo aqueles que gostam de um livro mais de uma vez, mas aí o caso é outro. Ela está lendo tudo de novo, por que gostou da história.

Regra número 2: Também não contem o final da história. O leitor gosta de ver a história se desenrolar, para ir tirando suas conclusões e ter a surpresa com o final — sendo ruim ou não! Aliás, a diferença crucial entre um resumo e uma sinopse é essa. O resumo conta toda a história em poucas palavras. A sinopse conta menos ainda. Um resumo chega a contar o final sim, mas a sinopse não. É só vocês pegarem a orelha, ou contracapa de um livro, e verão que não está toda a história ali; apenas um "aperitivo". ;) E é isso o que uma sinopse, na verdade, é. Um aperitivo. Ela chama o leitor para a leitura. É ela que vai estimulá-los a ler sua história — lembre-se bem disso.

Regra número 3: não dê sua opinião sobre a história também! auihauihauiahi já vi algumas pessoas colocarem "leiam, a história está muito boa!" aiuhaiuhauiahuaihaiuhai Deixe que os leitores tire suas próprias conclusões, ok? Afinal, cada um tem seu gosto. Esse tipo de coisa é até mal visto. É como se você fosse pretensioso demais, e superestima suas capacidades! Não façam isso!

Regra número 4: também não deprecie sua história. Também já vi gente dizer na sinopse "a história está uma merda, mas é minha primeira fic, me dêem uma chance!" uiahauihauiahi Se você mesmo acha que sua história está uma merda, o que faz pensar que outros gostarão? (e eu mesma ja disse isso, embora não numa sinopse) Um comentário desses só desestimula a leitura. Cada um deve gostar do que escreve. Não se preocupem por ser a primeira história. TODO mundo começa a escrever com uma "primeira história". Todos passam por isso. O importante é não desistir. Como eu já disse, escrever é como fazer sexo, quanto mais se pratica, melhor fica! XD

Regra número 5: seja feliz! :D


Uma das sinopses que encontrei sobre Pocahontas foi esse:

"Um navio parte da Inglaterra com objetivo de encontrar um “Novo Mundo”, tendo, entre os tripulantes, o ganancioso governador da Inglaterra, que só pensa em descobrir ouro, e o aventureiro capitão John Smith. Ao chegarem em uma terra desconhecida, John sai para explorar a região e encontra uma bela índia chamada Pocahontas. Ambos aprendem muito um com o outro, até que o povo de Pocahontas e os ingleses entram em guerra por terem interesses diferenciados em relação às terras."


Fonte: http://www.cineplayers.com/filme.php?id=663

Vêem? Ele não diz a moral da história, não conta o final, e nem dá muitos detalhes sobre a história. E é assim que uma boa sinopse deve ser.

E acho que é isso... Se tiverem alguma dúvida, sugestão, crítica, pedras, é só mandar! ;)



bjss :**********


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...